Leve a Dona Ermelinda para a sua Ceia de Natal

Este ano a campanha de Natal da Casa Ermelinda Freitas conta com a colaboração do chef Joe Best.

Apresentamos 3 receitas para a Ceia de Natal com o toque de inovação e criatividade do chef português Joe Best a.k.a. DaCozinha que combinam na perfeição com Dona Ermelinda Reserva.

"Dona Ermelinda Reserva, um vinho clássico elaborado com base na casta Castelão, que estagiou 12 meses em barricas de carvalho com a finalidade de incrementar a sua cremosidade e elegância, acompanha na perfeição os clássicos pratos tradicionais da ceia de Natal, o chamado 'Bacalhau com Todos', o Peru Recheado e o Polvo à Lagareiro" - Jaime Quendera

Joe Best Bio: Criado na Costa de Caparica, junto ao mar que lhe marca os dias sempre teve com ele o prazer dos cheiros, dos temperos e dos sabores. 50 anos de idade, mais de 30 dos quais passados em volta de tachos, panelas, azeite e ervas. Há 6 anos que dirige e dá alma aos projectos DaCozinha e DC by Joe Best em que partilha segredos, ingredientes e amor, o mesmo amor que agora vos traz nestas receitas


Sugestões de Joe Best:

BACALHAU COM TODOS

Ingredientes:
Bacalhau alto, de boa cura, bem demolhado, troços de couve grelos, couve portuguesa, galega, etc.
Batata
Cenouras
1 cebola
Ovos
Grão de bico
Alhos
Azeite virgem extra
Azeite virgem

Preparação:
Cozer primeiro os vegetais, em água temperada de sal, respeitando os tempos de cozedura de cada um. Aproveitar as águas de cada cozedura e no final, sendo que o bacalhau é o ingrediente que coze mais depressa, cozer o bacalhau no caldo dos legumes, junto com os ovos, até que o fiel amigo comece a largar lasca.

Aquecer o azeite virgem sem deixar que este ferva (80 graus é mais do que suficiente para quem puder registar a temperatura) e fazer estalar a quantidade de alhos esmagados, a gosto. Deixar arrefecer e juntar o azeite virgem extra. No prato, juntar um golpe de vinagre e pimenta.

Escolher a melhor e mais bonita travessa e temperar com o ingrediente que falta: muita paz. Repartir com as pessoas mais chegadas.


PERU RECHEADO

Brining:
água
2 limões
2 laranjas
1 copo de Aguardente
1 copo de Moscatel
1 cabeça de alhos
Pimenta em grão

Recheio:
400 gramas de arroz cozido al dente
Azeite ou banha q.b
Cogumelos
Nozes
Pinhões
Passas de moscatel sem grainha
Chouriço
200 gramas de carne picada
Miudezas do peru
Alho
Cebola
Salsa

Tabuleiro:
Alhos (da marinada)
Azeite
Paprika
Vinho branco
Sal


Preparação do brining:

Colocar o peru numa bacia ou balde grande e cobrir com água. Temperar com sal, pimenta, rodelas de laranja e limão, os alhos esmagados e a aguardente. Tapar com película aderente e reservar em frio por 24 horas. No dia seguinte, retirar do frio e escorrer o peru e secar bem.

Preparar o recheio:

Levar um tacho ao lume com um fio de azeite e juntar a cebola picada e o chouriço e deixar refogar. Juntar as moelas e o fígado tudo picadinho e deixar cozinhar. Juntar a carne picada, temperar de sal e pimenta e deixar cozinhar cerca de 10 minutos. Acrescentar a salsa e os cogumelos picados. Deixar cozinhar, retirar do lume e juntar ao arroz. Envolver bem com o arroz cozido previamente e juntar os frutos secos. Deixar arrefecer e rechear o peru com o preparado. Coser as aberturas com fio alimentar.

Tabuleiro:

Fazer uma pasta com os alhos, sal, azeite e a paprika, barrar bem o peru e regar com vinho branco.
Levar assar em forno quente (180ºC) durante cerca de 3h coberto com folha de alumínio. Ao fim desse tempo retirar o alumínio, refrescar o peru com mais vinho branco e deixar cozinhar até ficar bem dourado, cerca de 30 minutos.
Depois de retirar do forno deixar repousar e arrefecer, antes de trinchar.


POLVO À LAGAREIRO

Ingredientes:
Polvo

Agua
Sal
Azeite
Alhos
Cebola roxa
Batatinhas

Preparação (Panela de pressão):
Ferver água numa panela de pressão sem tapar a panela. Espetar um garfo na cabeça de um polvo de boa qualidade e quando a água ferver, mergulhar o polvo durante alguns segundos. Isto sela a pele do polvo e impede que o polvo a perca durante a cozedura. Deixar ficar o polvo, fechar a panela de pressão e deixar ferver. Em 15 a 20 minutos o polvo está cozido. Retirar e escorrer.

Aquecer o grelhador a gás, chapa de fogão ou carvão e deixar uma grelha ficar bem quente para que o polvo não agarre. Pode pincelar com óleo ou azeite para ajudar e deixar grelhar um ou dois minutos de cada lado para ganhar o gosto de churrasco.

Fazer um molho com dentes de alho esmagados a gosto, aquecendo bom azeite sem o deixar ferver, muita salsa picada e meias luas de cebola roxa bem fina. Acompanhar com batatinhas a murro, assadas ou cozidas com pele, juntar o polvo e regar tudo com o molho de bom azeite.

"O natal é o momento para unirmos a família, lembrar os amigos e reflectir sobre a importância da amizade, da solidariedade, e da partilha. É nesta época que fazemos os cozinhados que a família nos ensinou, e que vão passando de geração em geração, tal como aconteceu na Casa Ermelinda Freitas. Os pratos tradicionais aqui apresentados reflectem a continuação da importância de manter as referências familiares e tradicionais que tanto valorizamos, achando que para acompanhar estas iguarias de Natal nada melhor do que ter na sua mesa a companhia de uma garrafa Dona Ermelinda." - Leonor Freitas

Leve a Dona Ermelinda para a sua Ceia de Natal, e Boas Festas junto da família e amigos!

Comments